Marcos Vinícius de Almeida Silva,  Cynthia Zanotto Salvador e Nelita Corrêa. Auditório Cyro Pires - Prefeitura Municipal de Botucatu          

 

 

Coletiva de Imprensa

  Na manhã de 19 de maio, a ONG S.O.S Cuesta de Botucatu, concedeu entrevista à imprensa local anunciando o início oficial do projeto Córrego da Cascata.

A coletiva foi realizada no Auditório Cyro Pires, na sede do Poder Executivo e contou com a presença do gestor Marcos Vinícius de Almeida Silva da Comunicação Institucional e Responsabilidade Social dos Programas Ambientais da Petrobras; da Secretária Municipal do Meio Ambiente, Cynthia Zanotto Salvador e da Coordenadora Geral do projeto Córrego da Cascata, Nelita Maria Corrêa.

Além da Secretária Cynthia, outros parceiros do projeto estavam presentes, como o Diretor do SENAC Botucatu, Diogo Vieira Ligo Teixeira; Reginaldo Sartor administrador dos Residenciais Spazio Verde e Parque das Cascatas e do Presidente do Sindicato dos Engenheiros no Estado de São Paulo, Nivaldo José Cruz. Representando os beneficiários do projeto que receberão plantios nas APPs de suas propriedades, estava presente o empresário Fernando Contrim Sartor, proprietário do Sítio Capão Bonito de Baixo.

Segundo Nelita, neste primeiro ano de execução do projeto, será realizado um diagnóstico sócio ambiental da microbacia hidrográfica para conhecer as pessoas que moram e trabalham na região e entender como essas pessoas interferem na qualidade ambiental ribeirinha. A coordenadoria do Meio Físico vai pesquisar as características do solo, como se comporta o clima, conhecer a qualidade e a quantidade das águas do Córrego da Cascata. A coordenadoria do Meio Biótico fauna vai caracterizar a avifauna e a mastofauna, importantes indicadores da qualidade do ambiente da microbacia. A coordenadoria do meio Biótico Flora vai identificar os remanescentes florestais que abrigam espécies da mata atlântica e do cerrado e gerar um herbário.

O projeto também prevê o plantio de 10.666 árvores nativas frutíferas em 6,4 hectares, em propriedades públicas e particulares.

No segundo ano de realização do projeto, depois de amplo conhecimento da microbacia, será elaborado um Plano de Saneamento Ambiental que é a pactuação dos usos da microbacia. Um conjunto de medidas visando a preservar ou modificar as condições do meio ambiente.

O gestor do projeto Marcos Vinícius conta que 928 projetos se inscreveram na 4ª Seleção Pública do Programa Petrobras Ambiental para receber patrocínio da Petrobras, mas somente 44 foram contemplados, entre eles, o projeto da ONG de Botucatu. “De 2008 a 2012 iremos investir R$ 500 milhões em projetos ambientais, através deste programa. O projeto da S.O.S Cuesta de Botucatu é mais um que atendeu todos os requisitos para receber o patrocínio”, diz.

Cynthia Zanotto Salvador, secretária municipal do Meio ambiente, se mostrou satisfeita em ser uma das parceiras do projeto idealizado pela SOS Cuesta, a qual define como entidade séria e preocupada com as questões do meio ambiente. Enfatiza que os resultados esperados são de médio a longo prazos, mas está confiante de que as ações propostas pelo projeto serão um benefício para a população e para o meio ambiente. "O Projeto  tem todo nosso apoio”, afirma.

 Foi uma grande satisfação para a equipe do projeto a chegado do prefeito João Cury Neto no momento em que a entrevista já chegava a sua etapa final. Uma cortesia de bom anfitrião.

Após dar as boas vindas ao gestor Marcos Vinícius, o prefeito João Cury destacou a importância do projeto Córrego da Cascata que será realizado numa região que está em pleno desenvolvimento e destaca que as ações da prefeitura poderão ser pautadas de acordo com o que for diagnosticado pela equipe técnica do projeto, reafirmando o comprometimento do poder público com ações de recuperação e conservação de ambientes ribeirinhos.

Comenta que só pelo fato do projeto se preocupar também com as pessoas e com o meio onde elas vivem,  já é motivo de contentamento para o poder público municipal.

A ONG SOS Cuesta de Botucatu agradece a todos os profissionais da imprensa que estiveram presentes nesta coletiva, colaborando para a divulgação do projeto Córrego da Cascata e consequentemente  promovendo a conscientização da importância de se harmonizar o crescimento do município com a proteção de seus recursos hídricos urbanos.

Home Córrego da Cascata